Vitralizado

Posts com a tag Scott McCloud

Entrevistas / HQ

Papo com Scott McCloud, autor de The Sculptor e da trilogia Desvendando os Quadrinhos

Não sei quantos emails já mandei pro Scott McCloud. Acho que ele foi o primeiro autor de histórias em quadrinhos que tentei entrevistar, mas nunca havia tido um retorno. Eu tinha oito anos quando minha mãe comprou a primeira edição em português de Desvendando os Quadrinhos, em 1995. Não demorei pra roubar o livro pra minha prateleira e começar a entender ali a vastidão do que pode ser compreendido como histórias em quadrinhos. Depois vieram Reinventando os Quadrinhos e Desenhando os Quadrinhos, li e reli a série inteira e a partir dela corri atrás dos vários nomes que apareciam por lá. Ele me apresentou a Jack Kirby, Chris Ware, Katsuhiro Otomo e Moebius.

S1

Na penúltima semana de julho deste ano, McCloud me respondeu um email pela primeira vez. Havia voltado a pedir uma entrevista no início de maio, ao terminar de ler The Sculptor, seu mais recente trabalho – falo mais sobre o livro aqui. Ele pediu desculpas pela demora em responder e avisou que estava a disposição. Eu estava viajando e escrevi minhas perguntas no bloco de notas do celular mesmo, antes que ele mudasse de ideia. Dessa vez, a resposta foi rápida. McCloud me falou sobre os anos que passou produzindo The Sculptor, algumas mudanças no mercado de quadrinhos norte-americano e na linguagem das HQs e sobre a busca universal e fútil por reconhecimento. Olha só:

Continue reading

Entrevistas / HQ

Scott McCloud: “Todo mundo quer deixar alguma coisa pro mundo. Nem que seja só uma memória”

The Sculptor é a primeira obra impressa do quadrinista Scott McCloud em um intervalo de nove anos. Seu trabalho anterior é Desenhando Quadrinhos (2006), último álbum da trilogia sobre a linguagem das HQs, precedido por Desvendando os Quadrinhos (1993) e Reinventando os Quadrinhos (2000). Na introdução do livro de 2006, McCloud explica: “Se eu conseguir ensinar outra pessoa a criar histórias em quadrinhos de primeira, talvez eu possa ensinar igualmente a mim mesmo”. Quase dez anos depois, o autor me conta em uma entrevista por email: “Eu escrevi que um dos objetivos de Desvendando os Quadrinhos era me ensinar a produzir HQs melhores enquanto me preparava para uma nova graphic novel. No caso, eu estava me referindo exatamente a The Sculptor”. Ainda não anunciadas oficialmente, o livro já tem editora e data de lançamento no Brasil. A íntegra da minha conversa com o autor você lê aqui.

Com quase quinhentas páginas, o mais recente trabalho de McCloud é protagonizado por um jovem artista chamado David Smith. Após um promissor início de carreira como escultor, ele perde o apoio do investidor que bancava a produção de suas peças, sofre de bloqueios criativos e enfrenta problemas financeiros. Sua vida muda em um encontro com a Morte. Na forma de um tio de David, ela faz uma proposta ao artista: em troca do poder de esculpir qualquer coisa que sua mente imaginar, ele terá apenas 200 dias de vida e não poderá compartilhar o trato com ninguém. A oferta é aceita e logo em seguida o protagonista conhece a mulher de sua vida, uma atriz chamada Meg.

S7

Continue reading

HQ

A nova era dos quadrinhos, via The Verge

O The Verge fez uma tremenda matéria falando do mundo dos quadrinhos na atualidade. O vídeo conta com várias falas interessantes, com destaque para alguns depoimentos do Scott McCloud. Coisa fina sobre os diversos dilemas de mercado e as novas possibilidades linguísticas que estão dando as caras para quem faz quadrinhos. Mó dica massa do Murilo (valeu!). Olha aí:

HQ

Os melhores quadrinhos americanos de 2014, segundo Scott McCloud

TheBestScottMcCloud

Saiu a lista dos quadrinhos e autores selecionados pelo Scott McCloud para a edição de 2014 da série The Best American Comics. Uma das publicações anuais mais legais do mundo das hqs, a série tem todo ano um editor convidado para fazer a curadoria dos melhores lançamentos do ano anterior. O volume de responsabilidade do autor de Entendendo os Quadrinhos estará a venda a partir do dia 7 de outubro. Apesar de não apresentar a íntegra de algumas das obras selecionadas, o livro serve como uma tremenda coletânea de alguns dos quadrinhos mais ousados e interessantes publicados nos Estados Unidos. Tirei lá do Bleeding Cool:

Jaime Hernandez. Crime Raiders International Mobsters and Executioners de Love and Rockets: New Stories #5, Fantagraphics Books.

Ben Katchor. Picnic Now!, Sickroom Reading, and The Hand Laundry: A 21st Century Still Life de Metropolis Magazine.

Charles Burns. The Hive. Pantheon Books.

Gilbert Hernandez. All the Marbles de Marble Season, Drawn And Quarterly.

Adrian Tomine. Translated, from the Japanese, de Optic Nerve #13, Drawn And Quarterly.

Robert Crumb and Alice Kominsky-Crumb. High Road to the Shmuck Seat, Drawn Together, Liveright/Norton.

Raina Telgemeier. Drama. Graphix/Scholastic.

Fanny Britt and Isabelle Arsenault. Jane, the Fox and Me. Groundwood Books/House Of Anansi Press.

Miriam Katin. Letting It Go, Drawn And Quarterly.

Tom Hart. RL de RL #2, Self-Published.

Sam Sharpe. Mom de Viewotron #2, Self-Published.

Nina Bunjevac. August 1977 de Heartless, Conundrum Press.

Mark Siegel. The Mermaid in the Hudson de Sailor Twain, or The Mermaid in the Hudson, First Second Books.

Brian K. Vaughan and Fiona Staples. Saga Chapter 7 de Saga #7, Image Comics.

Brandon Graham. Multiple Warheads: Alphabet to Infinity #1, Image Comics.

Ted May. Dimensions from Men’s Feelings, Revival House Press.

Chris Ware. Building Stories, Pantheon Books.

John Lewis, Andrew Aydin and Nate Powell March: Book One, Top Shelf Productions.

Frank M. Young and David Lasky. The Program Is Morally Good, de The Carter Family: Don’t Forget This Song, Abrams Comicarts.

Ed Piskor. Hip Hop Family Tree de Boing Boing, www.boingboing.net/tag/hip-hop-family-tree

Depression Part Two de Hyperbole And A Half, www.hyperboleandahalf.blogspot.cpom

Michael DeForge. Canadian Royalty de Lose #4, Koyama Press

Theo Ellsworth. The Understanding Monster – Book One, Secret Acres

Ron Rege, Jr. Is There Silence?, The Implications of Making Something from Nothing via the Spiritual Realm, and This Is Magic—This Is Alchemy, de The Cartoon Utopia, Fantagraphics Books.

C. F. Face It from The New York Times Opinionator, www.opinionator.blogs.nytimes.com

Victor Cayro, Bittersweet Romance de Love And Rockets, Drippy Bone Books

Onsmith. Whistle While You Work or Think of Death from Study Group Magazine #2, Study Group Comic Books, Self-Published.

Gerald Jablonski. Schweinhund and Howdy, His Nephew Dee Dee and A Friend of Howdy’s Nephew de Cryptic Wit #2, Self-Published.

Lale Westvind. Hyperspeed To Nowhere, Return To Entropy de Hyperspeed to Nowhere #2, Self-Published.

G.W. Duncanson. Untitled Selections de Cash Money Cartoons, www.cash-money-cartoons.tumblr.com

Aidan Koch. Blue Period de Sonatina #2, Sonatina Comics.

Erin Curry. Ambient Air (Part II) de Ambient Air, www.sculptress-studio.blogspot.com

Richard Thompson. Cul de Sac, September 17-23, 2012 de Cul de Sac, Universal Press Syndicate.

Sam Alden. Hawaii 1997, de samaldencomics.tumblr.com, www.gingerlandcomics.com