Vitralizado

Posts na categoria Marvel

HQ / Marvel

O Quarteto Fantástico de Josh Trank e os Arqueólogos do Desconhecido de Planetary

Já leu Planetary? E o trailer do novo filme do Quarteto Fantástico? Assistiu? Estou forçando muito a barra em ver uma relação entre as duas coisas – pelo menos por enquanto. Achei o vídeo uma prévia muito bem amarrada de uma produção que considero bastante promissora. Já Planetary é um dos clássicos modernos das histórias em quadrinhos. Escrita pelo Warren Ellis e com desenhos do John Cassaday, é uma série de 27 edições protagonizadas por três pessoas, os Arqueólogos do Impossível, que desvendam os mistérios do Universo. Corra atrás dos quatro encadernados que colecionam o título, a Panini relançou ano passado.

Gosto muito de pensar que o Josh Trank vai desligar da estética Marvel e criar uma linguagem e abordagem própria para o que podemos compreender como super-heróis. Aliás, estamos falando do cara que filmou Poder Sem Limites – fácil, fácil no meu top 5 de melhores filmes de super-heróis de todos tempos, junto com o primeiro Super-Homem e o Unbreakable do Shyamalan. Sei lá, pode não ser nada disso e o filme zicar completamente, mas eu boto mó fé nesse Quarteto. Stan Lee e Jack Kirby inspiraram com força o trabalho de Ellis e Cassaday. Josh Trank devia dar o troco com consciência pesada zero. De leve, mas bem de leve mesmo, esse trailer me fez acreditar que isso possa ter rolado. Pra quem conhece, vê só se não tem algo de Planetary nesse Quarteto:

Cinema / Guerra nas Estrelas / HQ / Marvel

O Império Contra-Ataca, por Adi Granov

Em agosto a Marvel relança sua quadrinização de 1980 para o O Império Contra-Ataca. O título está sendo vendido como uma versão remasterizada da hq original – um termo não muito bem quisto por fãs de Guerra nas Estrelas certo? Criado a partir do roteiro do Leigh Brackett com o Lawrence Kasdan, o quadrinho foi lançado antes da estreia de O Império e alguns personagens ficaram diferentes de suas versões nas telas. O Yoda, por exemplo, ficou assim no desenho do Al Williamson, sendo redesenhado posteriormente nas republicações da Dark Horse. De qualquer forma, ó que beleza essa arte que o Adi Granov produziu pra capa do gibi. Até lembra um pouco as artes do Drew Struzan pra produção. O Granov também publicou em seu site a mesma arte ainda em preto e branco, lindona.

Cinema / HQ / Marvel

Vingadores: Era de Ultron – Perigo X Ultron

Viu o novo trailer de Vingadores 2? Tá logo mais abaixo. Também vazaram algumas imagens conceituais do filme, chegou a ver? Nenhuma grande novidade além de um pequeno texto sobre a origem do vilão Ultron, que consta aqui em cima. Segundo o material, Ultron foi construído por Tony Stark e Bruce Banner a partir de tecnologia deixada na Terra pelos alienígenas liderados por Loki no primeiro Vingadores. Um adendo interessante que pode até linkar um pouco mais essa continuação ao futuro cósmico das próximas fases do estúdio e principalmente a Thanos. No entanto, nada me tira da cabeça que Joss Whedon vai se inspirar pra caramba em seu segundo arco no roteiro dos quadrinhos dos X-Men. Já tinha comentado por aqui antes. As seis edições desse arco de histórias revelam que a Sala do Perigo, utilizada pelo grupo mutante para treinamento, foi construída a partir de tecnologia alienígena. Ela ganha consciência própria, uma forma física humanóide e enfrenta seus mestres. Sei não hein? Tá batendo demais. Eu se fosse você ia muito atrás desse encadernado aqui.

Ultron

Cinema / HQ / Marvel / Retrospectiva 2014

Top 10 Vitralizado 2014: Capitão América 2, Guardiões da Galáxia e a Fase 3 da Marvel no cinema

Pra encerrar o assunto Marvel nessa retrospectiva. Até pouco tempo, Vingadores ocupava o primeiro lugar do meu ranking de melhores filmes produzidos pela Marvel Studios. Precisei rever Guardiões da Galáxia e Capitão América 2 para os dois passarem o filme do Joss Whedon. Acho que já disse isso por aqui, mas repito: não vejo muita distinção entre o melhor e o pior filme produzido pela Marvel, há qualidades e problemas explícitos em todos, mas nenhum é uma obra de arte do cinema moderno. São entretenimentos legais pra caramba e isso basta pra esses filmes me deixarem feliz. Ainda assim, há uma explícita evolução nas produções da editora/estúdio e a culpa pra mim é única e exclusivamente desses longas ganharem cada vez mais personalidade própria.

Tanto O Soldado Invernal quanto Guardiões da Galáxia são produções muito bem resolvidas em relação aos seus gêneros. Sim, são filmes de super-heróis, mas um de espionagem com vibe anos 70 e a outra numa pegada de ficção científica misturada com toda um clima anos 80 e John Hughes. Pra mim, essas duas produções mostraram o verdadeiro potencial da Marvel como estúdio de cinema. Coisa que acredito que os executivos da empresa também perceberam. A partir de agora, nesse final de Fase 2 e início de Fase 3 do Universo Marvel no cinema, o tom de ‘filme de super-herói’ deve ficar restrito aos grandes encontros desses personagens, nos três Vingadores que estão pra sair.

CA2-1024x665

Você viu aquele quadro do Saturday Night Live com o Chris Pratt? Eles fazem piada com o fato de nada da Marvel ter dado errado até o momento. Um dos blockbusters do ano foi um filme de um grupo desconhecido dos anos 70, que nunca fez sucesso, e o próximo lançamento é um filme solo do HOMEM-FORMIGA. Aí os roteiristas do SNL passam a cogitar novas produções Marvel, nenhuma baseada em hqs e todas sucessos em potencial. Surgem títulos como Criaturas dos Cosmos, Passageiros de Ônibus, Pam (não importa quem é, mas blockbuster certo), Fantasmas Estilosos, Alguns Carrinhos de Mercados, Pam 2: A Pam Invernal e Marvel’s Star Wars.

O raciocínio é simples: agora a Marvel pode tudo. Tanto é assim que eles lançarão mais 10 filmes até 2019 – alguns estrelados por gente como Capitã Marvel, Pantera Negra e Inumanos. Isso tudo me faz lembrar de uma conversa que tive com o Mike Deodato lá no começo do ano, pra uma matéria sobre os principais lançamentos de 2014. Talvez o artista brasileiro que mais publicou na Marvel até hoje, ele me disse o seguinte sobre o filme dos Guardiões: “Vai ser o grande teste deles. Se conseguirem fazer sucesso com personagens tão desconhecidos, o estúdio ficará entre os maiores do mundo em termos de poder e influência, acredito”. No ponto. Eles fizeram sucesso e hoje a Marvel faz o que quer.

Guardiões

Cinema / HQ / Marvel / Retrospectiva 2014

Top 10 Vitralizado 2014: A Arte dos Super-Heróis Marvel

A Marvel completou 75 anos em 2014 e o grande evento celebrando a data aconteceu em Paris. Fui pra França cobrir a abertura da exposição A Arte dos Super-heróis Marvel, no museu Art Ludique. Nunca na história da editora tantas de suas artes originais estiveram expostas em um mesmo lugar. A mostra também reuniu artefatos e elementos de cena presentes nos filmes da Marvel Studios, resultando num grande resumo do que a empresa é hoje: um estúdio de cinema que publica histórias em quadrinhos com potencial para virarem filmes. Estive frente a frente com artes originais de gente como Jack Kirby, Steve Ditko, John Romita e Frank Miller (só pra ficar nos meus preferidos) e vi roteiros originais assinados por Stan Lee.

DD

As peças presentes tiradas dos filmes só mostram a enorme sintonia entre a Marvel-editora e a Marvel-estúdio e revelam como, apesar de modernas, as versões cinematográficas dos personagens são essencialmente as mesmas dos heróis e vilões surgidos nos anos 40, 50 e 60. Ficaria imensamente feliz que a exposição tivesse um tour mundial – não só por achar que todo mundo deveria ter acesso a esse conteúdo, mas por também querer rever todos esse material. Lembrando do que vi em Paris e relendo meu texto pro Estadão, acho lindo como estava claro o futuro sci-fi da Marvel nos cinemas. Na época da abertura, Guardiões da Galáxia ainda era uma aposta da Marvel, mas a exposição deixava claro que o futuro do estúdio seguiria a rota determinada pelo filme de James Gunn. Hoje sabemos que Vingadores 3 e 4 serão adaptações de algumas das sagas mais sci-fi da editora. Épico.

EscudoCapitão