Coluna Veneta #6: Marcello Quintanilha fala sobre os 10 anos de Tungstênio

Está no ar a sexta edição da minha coluna no blog da editora Veneta. Entrevistei o quadrinista Marcello Quintanilha sobre os 10 anos do lançamento de Tungstênio, uma das obras mais influentes e mais celebradas da histórias das HQs nacionais. O papo rendeu: falamos sobre a produção do álbum, o legado da HQ, o significado do livro para o autor, a adaptação da obra para o cinema e muito mais. Você confere a coluna clicando aqui. –Coluna Veneta #5: Juscelino Neco e a adoração ao oculto em Em Perfeito Estado;–Coluna Veneta #4: J.T. Waldman fala sobre Harvey Pekar e Não…

Coluna Veneta #5: Juscelino Neco e a adoração ao oculto em Em Perfeito Estado

Está no ar a quinta edição da minha coluna no blog da editora Veneta. Entrevistei o quadrinista Juscelino Neco para escrever sobre seu novo quadrinho, Em Perfeito Estado. Primeiro álbum de Neco desde Reanimator (2020), a HQ mostra o envolvimento do dono de um antiquário com a obsessão de um cliente por obras pornográficas. Como o próprio Neco disse na nossa conversa, Em Perfeito Estado é o trabalho mais experimental dele até hoje. Também considero um dos grandes quadrinhos publicado no Brasil em 2024. Você lê o meu texto sobre a HQ clicando aqui. –Coluna Veneta #4: J.T. Waldman fala…

Coluna Veneta #4: J.T. Waldman fala sobre Harvey Pekar e Não é a Israel que Meus Pais Prometeram

Está no ar a minha quarta coluna para o blog da editora Veneta. Entrevistei o quadrinista norte-americano J.T. Waldman para escrever sobre Não é a Israel que Meus Pais Prometeram, parceria do ilustrador com o lendário Harvey Pekar (1939-2010). O álbum recém-lançado por aqui pela Veneta, com tradução de Cris Siqueira, narra a criação do Estado israelense e as origens dos conflitos no Oriente Médio, além de expor as decepções dos dois artistas judeus em relação aos rumos de Israel. Recomendo demais. Você lê o meu texto clicando aqui. –Coluna Veneta #3: Bryan Talbot, Mary M. Talbot, A Virgem Vermelha…

Coluna Veneta #3: Bryan Talbot, Mary M. Talbot, A Virgem Vermelha e o anarquismo nas HQs britânicas

Está no ar a terceira edição da minha coluna no blog da editora Veneta. Escrevi sobre o álbum A Virgem Vermelha, HQ de Bryan Talbot e Mary M. Talbot recém-publicada em português pela Veneta (com tradução de Ludimila Hashimoto). Celebrei a publicação da obra do casal Talbot aqui no Brasil e falei da exposição Comics Unmasked – Art and Anarchy in the UK. Realizada em 2014, em Londres, a exposição fez uma restrospectiva da história dos quadrinhos britânicos, tendo Bryan Talbot como um de seus protagonistas. Você lê o meu texto clicando aqui.

As origens e o futuro da Marvel no cinema em O Reinado da Marvel Studios

Escrevi para a Folha de S.Paulo sobre o livro O Reinado da Marvel Studios: A história de como o UCM se tornou um dos maiores fenômenos culturais do nosso tempo, publicado em português pela editora Best Business, com tradução de Alessandra Bonrruquer. Entrevistei dois dos três autores da obra, os norte-americanos Joanna Robinson e Dave Gonzales. Falamos sobre as origens inesperadas, o presente atabalhoado e o futuro incerto do universo cinematográfico protagonizado pelos heróis da Marvel. Papo massa e matéria divertida de escrever. Você lê o meu texto clicando aqui.