Grandes Clássicos Inacabados das Narrativas Gráficas Mundiais #73: A Queda de Damasco

O Lielson Zeni e o Alexandre S. Lourenço marcaram um evento de lançamento de Damasco (Brasa) para a próxima quinta-feira, dia 22 de fevereiro, a partir das 19h, na Itiban Comic Shop, em Curitiba (Av. Silva Jardim, 845). Primeiro rola um papo, mediado pelo Liber Paz, seguido por sessão de autógrafos. Recomendo um monte a ida. Damasco é dos meus gibis preferidos do ano passado. Entrevistei os autores aqui para o blog e escrevi sobre a HQ para a Folha. E ó, tem um brinde para quem for nessa festa na Itiban: o zine MAS. A publicação reúne uma série…

Papo com Lielson Zeni e Alexandre S. Lourenço, autores de Damasco: “Gosto de ver os limites da linguagem sendo esticados”

O álbum Damasco foi produzido ao longo de 10 anos pela dupla Lielson Zeni e Alexandre S. Lourenço. A obra recém-lançada pela editora Brasa é um dos quadrinhos mais inventivos e singulares publicados no Brasil em 2023. Conversei com os dois autores para escrever sobre o livro para o jornal Folha de S.Paulo. Você lê o meu texto clicando aqui. Compartilho agora a íntegra dessa conversa. Zeni e Lourenço falaram sobre as origens e o desenvolvimento da HQ, o início da amizade dos dois na Universidade Federal do Paraná, a relação de ambos com religião, os interesses dos dois em…

Lielson Zeni e Alexandre S. Lourenço falam sobre Damasco: “Adoro quando a realidade tira um sarro da ficção”

Entrevistei os quadrinistas Lielson Zeni e Alexandre S. Lourenço, autores do álbum Damasco, recém-publicado pela editora Brasa e inspirado na história real de um sujeito que vendeu tudo para recomeçar a vida do zero. O papo serviu de base para o meu texto na edição de hoje da Folha de S.Paulo. Escrevi sobre as origens e o desenvolvimento da obra, mas principalmente sobre a linguagem dos quadrinhos e “HQ que sabe que é HQ” (aspas de Lourenço). Você lê o meu texto clicando aqui.