Vitralizado

Posts com a tag Frank Quitely

HQ

Demolidor X Elektra, por Frank Quitely

Só porque é o meu personagem preferido da Marvel, desenhado por um dos artistas que mais gosto, a menos de um mês da estreia de série do Demolidor no Netflix. A arte não é nova, mas é linda. Aliás, já teremos pontas e referências à Elektra nessa primeira temporada? O Mercenário acho que fica pra uma próxima, mas sendo uma história de origem inspirada nos trabalhos do Frank Miller com o herói, pode ser que tenhamos pelo menos alguma menção à família Natchios. O que você acha?

HQ

O documentário da BBC sobre Frank Quitely

BBCFq

Não consigo lembrar de nenhum artista no momento que me impressiona mais que Frank Quitely. Talvez os melhores quadrinhos de Grant Morrison não tivessem metade de seu impacto caso as ilustrações não fossem assinadas pelo Quitely. Em breve pretendo escrever por aqui sobre Jupiter’s Legacy, a série incrivelmente boa que ele está lançando com o Mark Millar. Sério, essa vai ser uma daquelas sobre as quais estaremos falando daqui algumas décadas. A BBC produziu um documentário de trinta minutos sobre a rotina do artista escocês. Olha aí:

HQ

Jupiter’s Children: Mark Millar + Frank Quitely

Foram divulgadas as primeiras ilustrações de Jupiter’s Children, série da Image com roteiro de Mark Millar e arte do Frank Quitely. Tá prevista pro início do ano que vem. O Millar não entregou muito da história. Disse que mostra várias gerações de heróis, dos primeiros a surgirem na década de 20 até outros não bem sucedidos no presente. Pro Hollywood Reporter ele falou que espera que seja o Senhor dos Anéis ou Star Wars dele.

Ele também comentou que a ideia é fazer da série uma trilogia, com doze edições cada volume. Ao contrário de Wanted e Kick-Ass, disse que pretende esperar a primeira parte chegar ao fim para pensar numa versão pra cinema.

Como já falei, a Image tá renascendo. Bancando mais um tremendo projeto. Dessa vez, de dois dos autores mais criativos da indústria. Brian K. Vaughan também citou Senhor dos Anéis e Star Wars como referências pro trabalho dele em Saga e rendeu uma das séries mais baladas da 2012. Tô no aguardo de Jupiter’s Children.

A matéria do Hollywood Reporter, com mais artes do Quitely e falas do Millar, tá aqui.