Vitralizado

Posts com a tag Lobo Solitário

HQ

Kazuo Koike (1936-2019)

Você já deve ter lido por aí, mas deixo o registro: morreu no dia 17 de abril de 2019, aos 82 anos, o quadrinista Kazuo Koike, coautor do clássico Lobo Solitário. Uma mensagem compartilhada na conta do escritor no Twitter relata que a morte foi decorrente do agravamento de uma pneumonia.

Koike também foi autor de Samurai Executor, Lady Snowblood e Crying Freeman, entre outros títulos, mas foi na parceria com Goseki Kojima (1928-2000) em Lobo Solitário que ele produziu um dos maiores cânones das HQs mundiais – e uma das leituras mais impactantes da minha vida.

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2016 ## Lobo Solitário (Panini), por Kazuo Koike e Goseki Kojima

Lobo Solitário é um dos meus quadrinhos preferidos. Tenho os 28 números da série publicada pela Panini entre dezembro de 2004 e abril de 2007. O primeiro número da nova coleção é ligeiramente maior que a anterior e a qualidade do papel melhora bastante a leitura. Mas é uma pena a ausência de textos complementares dignos da importância histórica da obra. Acrescentaria muito à publicação algum conteúdo falando sobre o contexto em que o título foi originalmente lançado ou algum texto tratando do legado do mangá.

HQ

A justificativa de Kazuo Koike para a existência de Daigoro em Lobo Solitário

Começaram a chegar nas lojas especializadas as caixas de DVD e Blu-Ray de Lobo Solitário produzidas pela Criterion. Os responsáveis pelo lançamento divulgaram uma prévia de um dos extras presentes no box, uma entrevista com o Kazuo Koike sobre a criação do mangá. Adiantaram um trecho de pouco menos de dois minutos no qual o quadrinista fala sobre as motivações para a existência de Daigoro, o filho de Itto Ogami. Demais. Dá o play:

HQ

Uma página de Lobo Solitário

Tô agarrado em dois livros e tenho uma pilha imensa de quadrinhos pra botar em dia, mas quero reler Lobo Solitário. Fiquei pensando no gibi por conta de um trabalho que em breve posto por aqui e me perdi na internet vendo algumas páginas da obra-prima da dupla Kazuo Koike/Goseki Kojima. Putz, como Lobo Solitário é bom, talvez esteja no meu top 3 de obras preferidas da vida. Se um dia cogitei aprender japonês foi só pra ler Lobo no original hehe

HQ

Frank Miller entrevista Kazuo Koike e Goseki Kojima

Pra mais ou menos ainda continuar em Tarantino. Uma entrevista publicada na revista Comics Interview número 52, de 1987. O entrevistador é o Frank Miller e os entrevistados são Kazuo Koike e Goseki Kojima, autores de Lobo Solitário. Tá em .jpg, mas só clicar e aumentar. A conexão com Tarantino é a seguinte: o Koike também criou o mangá Lady Snowblood (no Brasil foi publicado pela Conrad como Yuki) e a hq foi uma das inspirações pra Kill Bill. E massa que no final do segundo volume de Kill Bill, quando a filha da Noiva vai dormir, ela pede pra assistir Shogun Assassin, uma das adaptações de Lobo Solitário. O cara não dá ponto sem nó. Enfim, segue a entrevista:

millerkoikeekojima2

millerkoikeekojima3

Ah, ainda sobre os nomes citados no post. A cena da fuga da prisão de Assassinos por Natureza é Ctrl+C/Ctrl+V da fuga do Mercenário da prisão da Ilha Riker em Daredevil#181, com jornalistas e tudo.