Vitralizado

Posts com a tag Maria Clara Carneiro

HQ

4ª (1/11) é dia de Mesa de Dissecação: Wagner Willian na loja da Ugra

Você tem programa pra 4ª (1/11), às 19h? Então deixo o convite pro bate-papo Mesa de Dissecação: Wagner Willian, na loja da Ugra aqui em São Paulo. Eu estarei por lá com meus amigos do Balbúrdia, Maria Clara Carneiro e Lielson Zeni, pra esmiuçar os trabalhos mais recentes do autor de Bulldogma e Lobisomem Sem Barba. Aliás, também estará em pauta O Maestro, O Cuco e A Lenda, próximo álbum do quadrinista, com lançamento previsto pra dezembro. Lembrando: a conversa começa pontualmente às 19h e a Ugra fica no número 1371 da Rua Augusta. Você encontra mais instruções na página do evento no Facebook. Vamos?

Mesa de Dissecação: Wagner Willian

“Lielson Zeni (Balbúrdia), Maria Clara Carneiro (Balbúrdia) e Ramon Vitral (Vitralizado) convidam o quadrinista Wagner Willian para ir até a Ugra esmiuçar seus trabalhos mais recentes.

A ideia é que os quatro façam uma análise detida sobre Bulldogma (vencedor do Grampo de Ouro) e O Maestro, O Cuco e A Lenda (selecionado pelo PROAC-SP), falando de processo, narrativa, arte, trama, a relação entre as obras do autor e até a possível existência de um WagnerWillianWerso”.

HQ

Estão abertas as inscrições para o curso Crítica de Quadrinhos + OuBaPo com Maria Clara Carneiro e Lielson Zeni

Ó, recomendo bastante: o Lielson Zeni e a Maria Clara Carneiro do Balbúrdia vão coordenador o curso Crítica de Quadrinhos + OuBaPo na Laje aqui em São Paulo. As duas aulas rolam nos dias 3 e 4 de julho, sempre das 19h às 22h. As inscrições já estão abertas, a matrícula sai por R$120 lá no site da Laje mesmo. Saca a sinopse do evento:

“Crítica de Quadrinhos + OuBaPo

Lielson Zeni e Maria Clara Carneiro são pesquisadores de quadrinhos e escrevem para o Balbúrdia (balburdia.net). A oficina crítica de quadrinhos + oubapo propõe ser um cruzamento de técnicas de escrita e teoria literária para pensar quadrinhos.

OuBaPo, acrônimo de Ouvroir de Bande dessinée Potentielle (Oficina de Quadrinhos Potencial), pode parecer uma nomenclatura esnobe… mas é uma variação dos seminários de escrita potencial desenvolvidos na França por um grupo de escritores e matemáticos, que queriam investigar formas de produzir literatura, de uma forma coletiva e acessível a quem quiser escrever.

A proposta da oficina é de escrevermos, a partir de algumas ferramentas, novas formas de pensar quadrinhos: ao mesmo tempo, uma teoria e uma prática, coletivamente”