Vitralizado

Posts com a tag Wagner William

HQ

A capa de Flerte da Mulher Barbada, o livro de entrevistas de Deisy Mantovani

Taí a capa de Flerte da Mulher Barbada, o livro de entrevistas de Deisy Mantovani. A obra será lançada na Comic Con Experience 2016, nove meses após à chegada de Bulldogma às livrarias. Não sei você, mas acho um case maluco e sensacional o percurso desses trabalhos mais recentes do Wagner William: a Deisy surge em uma ponta no Lobisomem Sem Barba, protagoniza uma HQ de mais de 300 páginas em Bulldogma e agora ganha um livro próprio. Ainda devo dar mais um pitaco ou outro sobre esse projeto por aqui. Enquanto isso, fico na expectativa: conseguiremos um autógrafo ao vivo com a Deisy na CCXP?

Ó o texto publicado pelo Wagner Willian no Facebook sobre a obra:

“Com pouco mais de uma semana, dormindo três horas por dia para dar conta de fechar o livro a tempo, vem aquele sabor de dever cumprido, de quem consegue pular as barricadas (a maneira de um Toulouse) e atravessar o front. Foi difícil, foi intenso, foi senil! Mas cada um desses entrevistados merecem todo o esforço possível. Deixo aqui, em nome da Deisy, agradecimentos a Alcimar Frazao, Bárbara Malagoli, Bianca Pinheiro, Camilo Solano, Daniel Lopes, Danyael Lopes, Fábio Moon, Germana Viana, Guilherme Petreca, Juscelino Neco, Laerte Coutinho, Lobo Wolf, Laura Athayde, Lovelove6. Marcello Quintanilha, Marcelo D’Salete, Mari Casalecchi, Mazô, Paula Puiupo, Pedro Cobiaco, Pedro Franz e Rogerio Saladino.

Foram mais de 80 ilustrações para 23 entrevistas do Flerte da mulher barbada. Lançamento previsto para CCXP.
Se tudo der certo, novos volumes virão porque essa mulher entrevistou uma horda de quadrinistas.

Obrigado a todos”

HQ

Bulldogma: a HQ de Wagner Willian será lançada em fevereiro de 2016

Dos títulos que aguardo com mais ansiedade para 2016, Bulldogma ganhou data de lançamento. O novo quadrinho de Wagner Willian será publicado em fevereiro de 2016. Ao longo dos últimos meses o artista publicou uma série de previews na página do projeto no Facebook. Promissor pra caramba. Na legenda do banner aqui em cima o autor escreveu: “Foram dois anos intensos escrevendo e desenhando Bulldogma (não necessariamente nesta ordem). À todos aqueles que acreditaram nesta nouvelle vague, àqueles que a leram em antemão e de um modo ou de outro fizeram-se presentes em suas páginas, faltam poucos meses”. Aliás, já leu a minha entrevista com o Wagner William? Papo bem bom, viu?