Papo com Fido Nesti, autor de 1984: “Me vi envolto em pelo menos três distopias: o próprio 1984, a pandemia e o governo brasileiro”

Entrevistei o quadrinista Fido Nesti para escrever sobre sua adaptação para quadrinhos do clássico 1984, do inglês George Orwell, recém-publicada pela editora Companhia das Letras. Transformei esse papo no texto da edição de dezembro de 2020 da minha coluna no site do Instituto Itaú Cultural. Reproduzo agora a íntegra da minha conversa com o autor. Chamo atenção no meu texto para as paginações blocadas do álbum, enrijecidas como a realidade retratada na HQ, assim como a paleta de cores sombria e o grande volume de texto – resposta à exigência dos herdeiros de Orwell pela maior fidelidade possível aos escritos…

Sarjeta #15: Fido Nesti fala sobre 1984

Está no ar a 15ª edição da Sarjeta, minha coluna mensal sobre histórias em quadrinhos no site do Instituto Itaú Cultural. Entrevistei o quadrinista Fido Nesti sobre sua recém-lançada adaptação de 1984, de George Orwell. Ele me falou sobre o ponto de partida desse projeto, o desenvolvimento da obra, técnicas e métodos de trabalho e os paralelos entre o livro de George Orwell e o Brasil contemporâneo. Na entrevista que fecha a coluna, um papo com o quadrinista Jota Mendes, autor de Caco, Caramelo Quatro e Baque (série ótima sendo publicada na conta dele no Instagram). Você lê a 15ª…

Yuval Noah Harari protagoniza versão frenética e funcional de Sapiens em quadrinhos

Escrevi para a Folha de S. Paulo uma crítica de Sapiens: O Nascimento da Humanidade, adaptação para quadrinhos do livro homônimo do historiador israelense Yuval Noah Harari. Recém-publicado no Brasil pela Companhia das Letras, com tradução do Érico Assis, o álbum tem roteiro do belga David Vandermeulen, arte do francês Daniel Casanave e cores da francesa Claire Champion. Harari é creditado no expediente da obra como “criador e colaborador na redação”, além de também protagonizar a HQ. Chamei atenção para o ritmo frenético do quadrinho e a clareza na apresentação das informações apresentadas por Harari, mas também expressei meu incômodo…

Crisis Zone: chega ao fim a saga pandêmica de Simon Hanselmann

O quadrinista australiano Simon Hanselmann encerrou a série Crisis Zone, saga pandêmica protagonizada pelos personagens Megg, Mogg, Coruja e Lobisomem Jones e publicada ao longo de 2020 na conta do autor no Instagram. Iniciada no dia 13 de março, chegou ao fim ontem (22/12) e hoje (23/12) o autor anunciou o lançamento de um álbum compilando a série. A publicação chega às livrarias dos Estados Unidos, pela Fantagraphics, em agosto de 2021. Hanselmann explicou no post em que anuncia a versão impressa de Crisis Zone como seu plano original era seguir com a série por cerca de um mês e…

Bom Saber: uma conversa sobre quadrinhos, jornalismo e crítica com Alexandre Matias

O Vitralizado surgiu em outubro de 2012 a partir de um convite do jornalista Alexandre Matias, dono do Trabalho Sujo, para que eu participasse do coletivo de blogs OEsquema – criado por ele, Gustavo Mini, Bruno Natal e Arnaldo Branco. Alguns anos depois OEsquema chegou ao fim e o Vitralizado ganhou casa própria, mas eu e Matias mantivemos contato, parcerias e trocas de links. Aí que ele me chamou para botarmos o papo em dia na 34ª edição do Bom Saber, programa semanal de entrevistas no canal do Trabalho Sujo no YouTube. A conversa rendeu, falamos durante quase uma hora…